Política Crítica

Demissões vão gerar economia de R$ 2 milhões

Kadu pede pra indicarem nomes na segunda

Publicado em 2018-03-10 08:38:10 Atualizado em 2018-03-10 08:38:10 (1985 visualizações)

A demissão dos 38 assessores da Câmara de Santa Bárbara d'Oeste deve gerar economia de pelo menos R$ 2 milhões por ano. Nos últimos anos, a CM devolveu em média R$ 500 mil para a prefeitura. Esse ano, o valor economizado deve aumentar em mais de R$ 1,5 milhão.

O presidente da Câmara, vereador Kadu Garçom (PR), por meio de ofício entregue nos gabinetes dos vereadores na tarde desta sexta-feira, solicitou que todos os parlamentares indiquem por escrito, até segunda-feira, às 13 horas, os nomes dos dois assessores parlamentares que pretendem exonerar.

A demissão de dois assessores por gabinete atende o Mandado de Intimação da 3ª Vara Cível de Santa Bárbara d’Oeste e deve ser promovida até terça-feira (13), a fim de evitar que o Legislativo sofra multas diárias de R$ 50 mil por assessor não exonerado. “Lamento muito pelos funcionários que serão demitidos, acredito que o trabalho do vereadores será prejudicado, mas respeito a decisão da Justiça”, afirmou Kadu. 
 
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Política Crítica

Candidata corre risco por domicílio eleitoral


Ibope: Skaf e Doria seguem empatados


Antônio Javaroni vira cidadão americanense


Juca desiste da disputa a federal


Andia passa pito nos 'políticos tradicionais'



© 2009-2018. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza