Cidades

Guarda de Nova Odessa impede golpe do 'falso sequestro'

Pedido de resgate no valor de R$ 50 mil

Publicado em 2019-04-15 11:28:16 Atualizado em 2019-04-15 11:45:42 (363 visualizações)

A Guarda Civil Municipal de Nova Odessa conseguiu impedir, no início da manhã desta segunda-feira (15), que uma idosa de 72 anos, moradora no bairro Jardim Alvorada, caísse no golpe conhecido como "falso sequestro". Através do telefone 153, a corporação recebeu uma solicitação dando conta que a mulher estaria sendo coagida por criminosos a depositar R$ 50 mil em uma conta bancária.

Os criminosos entraram em contato com a idosa por volta de 5h50 desta segunda-feira afirmando que estavam em poder da sua filha e que, caso os R$ 50 mil não fossem depositados, matariam a moça. A idosa ficou em estado de choque e passou a fazer tudo o que os criminosos ordenavam.

Uma equipe da Guarda Municipal, composta pelo inspetor Tadeu e pelos GCM's Gustavo e Faveri, conseguiu, com apoio de familiares da idosa, localizar a vítima na região central de Nova Odessa, já próxima à área onde ficam as agências bancárias. A equipe imediatamente orientou a vítima quanto ao golpe que ela estava prestes a cair.

"O que chamou a atenção nesse caso foi que os criminosos usaram chamada de vídeo para fazer contato com a vítima, possibilitando a eles ainda mais informações da idosa", comentou o chefe de Segurança Municipal, Franco Júlio Felippe.

A Guarda Civil Municipal de Nova Odessa orienta que, em caso de ligações desse tipo, a pessoa mantenha a calma e tente fazer contato com o familiar que supostamente está sequestrado, além de sempre acionar a Guarda Civil Municipal (153) ou a Polícia Militar (190).

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Cidades

Baile funk tem confronto e 2 baleados


PM prende ladrão de bolsa no São Manoel


Ipês dão show de beleza em Santa Bárbara


PM morre na saída da Festa do Peão


Briga de irmãos termina com um esfaqueado



© 2009-2019. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza