Geral

Conferência da Criança e do Adolescente reúne 350

Participantes em Americana

Publicado em 2018-10-11 10:01:34 Atualizado em 2018-10-11 10:01:34 (96 visualizações)

Cerca de 350 pessoas participaram, na manhã desta quarta-feira (10), da abertura da 9ª Conferência Municipal dos Direitos Humanos da Criança e do Adolescente de Americana, realizada na Faculdade de Americana (FAM). A Conferência será realizada até às 16 horas e está sendo promovida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), com o apoio da Secretaria de Ação Social e Desenvolvimento Humano.

Na abertura do evento, a promotora da Infância e Juventude, doutora Renata Calazans Nasraui, ressaltou a importância da Conferência, a participação das crianças e dos adolescentes e a conscientização para a implantação das políticas públicas de direitos humanos da criança e do adolescente. “É importante que as crianças e adolescentes se reúnam para discutir sobre a garantia de direitos. Muitas conquistas já foram efetivadas, como o  Estatuto da Criança e do Adolescente, mas existe ainda muita luta pela frente”, disse a promotora.

O secretário de Ação Social e Desenvolvimento Humano, Ailton Gonçalves, destacou a discussão do tema. “O evento é importante e o tema é relevante porque certamente abrirá espaço para a discussão e reflexão sobre toda a questão que envolve os direitos das crianças e dos adolescentes. Que as resoluções aprovadas na Conferência possam ter direcionamento no sentido de melhorar o trato com as crianças e adolescentes”.  

O presidente do CMDCA, Antonio Dias da Fonseca, falou sobre o protagonismo da criança e do adolescente. “Queremos que os adolescentes sejam os protagonistas para que tenham seus direitos garantidos.”

Sobre os direitos da criança e do adolescente, o coordenador do Conselho Tutelar, Osmar Périco, explicou a função do órgão de defesa. “A função do Conselho é garantir a defesa dos direitos da criança e do adolescente. Estamos à disposição para orientações e atendimento da população”.

Os participantes da Conferência estão discutindo o tema "Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento às Violências contra Crianças e Adolescentes". Foram formados grupos para a discussão dos eixos, dos temas pertinentes à garantia de direitos, elaboração e deliberação de propostas na plenária final.

A plenária deverá resultar em um conjunto de, no máximo, 12 deliberações para o município, duas deliberações para o Estado e quatro para a União. Serão eleitos delegados para participar das conferências regional e nacional.
 
Na abertura do evento, adolescentes da Casa Dom Bosco apresentaram teatro e dança.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE


Geral

Simpatia para conquistar um grande amor


Vantagem de Bolsonaro cai 4% no Ibope


Radialista deixa estúdio após censura de Bolsonaro


SM abre inscrições para cadastro reserva do CEFEMS


Simpatia para conseguir o primeiro emprego



© 2009-2018. Portal Novo Momento de Notícias. website: pratza